Saiba como a blindagem de porta pode garantir a sua segurança e tranquilidade, vamos lá?

Os índices de violência e invasões em condomínios e casas aumentam dia após dia, medos e receios, infelizmente, já fazem parte da nossa realidade. A segurança se tornou, então, algo essencial para a nossa proteção.

Em casas, procura-se proteção máxima para as famílias e moradores. E em condomínios aumentou a busca por serviços de segurança para garantir a tranquilidade de condôminos, funcionários e visitantes.

E uma das formas de proteger às pessoas – seja em casas ou edifícios residenciais ou comerciais – é a implantação de itens de segurança, como as portas blindadas.

É importante saber os níveis de blindagem, sabia?

A porta blindada protege desde ataques de objetos e armas de fogo até tentativas de arrombamento, além de incêndios e eventuais outros tipos de acidentes que possam colocar as pessoas presentes no local em risco.

Antes de falar sobre a porta blindada, vale ressaltar os níveis de proteção que cada tipo de blindagem oferece, não é mesmo? Então, confira abaixo:

Nível I: Protege de ataques de armas de fogo calibre 22, 38 e ataques com pedras ou ferros.

Nível II-A: Protege dos ataques anteriores e mais de armas tipo Magnum.357 e de pistola 9 mm.

Nível III-A: Protege dos ataques das armas anteriores e de armas tipo mais Magnum 44 e submetralhadora Uzi.

Nível III: Protege dos ataques de todas as armas de fogo anteriores, incluindo ataques de fuzis dos tipos M16, AK-47, AR-15, FAL, G36 e G3.

Nível IV: Protege do ataque de todas as armas descritas acima e de munições perfurantes, como a.30-06 e a .338 e até mesmo de granadas.

V: Alta Proteção. Protege de todas as opções acima descritas, munição 12,7 x 99 mm e ataques aéreos de mísseis do tipo Stinger e Tomahawk.

Geralmente, o padrão de blindagem das portas é feito no nível III, protegendo o local de ataques até mesmo de submetralhadora Uzi – além de outras armas.

A fechadura faz diferença na segurança!

A porta blindada de residências ou condomínios também devem oferecer proteção contra arrombamentos. Para isso é recomendado que a porta blindada conte com fechaduras do tipo multidirecional e com várias localizações de travamento.

Também é importante que a porta blindada – além da proteção balística – ofereça resistência contra o uso de alavancas e pés-de-cabra. Para isso o processo deve ser realizado por meio de duas técnicas: balística e arquitetônica. Outro opcional para garantir a segurança é o olho mágico, que permite ver a pessoa que quer entrar na sua casa.

Como escolher a empresa para fazer a sua porta blindada?

Segurança é coisa séria e para ter uma porta blindada é fundamental escolher a empresa ideal para fazer esse processo – que é complexo e exige muita especialização.

Um dos fatores a ser analisado é se a empresa conta com processos para proteção balística, homologada pelo Exército Brasileiro, por meio do Retex (Relatório Técnico Experimental).

Outro ponto importante é se certificar de que a empresa possui profissionais especializados, como arquitetos, engenheiros, técnicos e projetistas – que garantirão o sucesso do trabalho.

Blinde a sua porta!

Não deixe de contar com uma porta blindada na sua residência, escritório ou condomínio. Você estará cuidando da proteção de você e também dos seus familiares.